A verdade sobre a Páscoa

coelho-ou-cordeiro

coelho-ou-cordeiro

A pascoa está chegando, data importante do cristianismo, mas essa data tem perdido seu real sentido e valor, diante do comercio.

Coelhinhos e ovos de pascoa tem tomado o verdadeiro sentido dessa data. A Cristãos que nem fazem ideia da importância dessa data. Vão ao super-mercado compram seus ovos de pascoa (Que a cada ano ficam mais caros, mas são uma delicia) e tudo fica como está.

Mas será que vale a pena, só ovos de chocolate, não seria também ótimo tirar o melhor proveito dessa data, para relembrar os grandes feitos de Deus a favor de seu povo.

Essa data relembra a libertação do povo de Deus, te convido a agora a conhecer a historia da pascoa na ótica do Antigo e Novo Testamento, passando pela importância para nos Cristãos da atualidade.

Conheça abaixo o verdadeiro sentido da Páscoa. Continue lendo.

A PÁSCOA NO ANTIGO TESTAMENTO

sangue-ombreiras-portas

A historia da pascoa começa, com os descendentes de Abraão, Isaque e Jaco. Que estavam a 400 anos em cativeiro no Egito.

Quando então Deus decide tirar seu povo do cativeiro e levanta o Moisés, para ser o líder do povo que estava de saída do Egito.

Deus sempre no momento certo trás sua providencia.

Moisés encontrou o impedimento de Faraó que não queria deixar o povo ir, porem Deus mandou pragas para o Egito para que faraó liberasse o povo.

Mas toda vez que a praga ia embora Faraó voltava atrás e não deixava o povo Hebreu ir. Saiba mais sobre esse acontecimento clicando no link.

Então veio a ultima praga, com essa praga Faraó teria de deixar o povo ir.

Deus enviou um anjo que matou todo primogênito do Egito, a insistência de Faraó trouxe consequências graves.

E o povo de Israel também perdeu seus primogênitos? Não, pois Deus ordenou que um cordeiro para cada família fosse sacrificado e o seu sangue deveria ser aspergido nas duas ombreiras da porta.

Quando o anjo passasse ele deveria pular as casas marcadas com o sangue na porta (Dai vem o significado de Pascoa do hebraico pesah, que significa “pular alem da marca”, “passar por cima” ou “poupar”.)

Os cordeiros que foram sacrificados, deveriam ser assados e pães sem fermento, serem preparados, tudo na mesma noite. Ali começava a festa da Páscoa. Saiba mais sobre essa festividade, clique no link.

Faraó deixou o povo parti, e dali em diante todos os anos os Israelitas comemoram a pascoa relembrando o livramento do cativeiro egípcio que Deus deu ao seu povo.

Assim pois o comereis: Os vossos lombos cingidos, os vossos sapatos nos pés, e o vosso cajado na mão; e o comereis apressadamente; esta é a páscoa do Senhor. (Êxodo 12:11)

Ta gostando do artigo de Páscoa? Então acompanhe outros:

[mc4wp_form]

A PÁSCOA NO NOVO TESTAMENTO

a-cruz

A Páscoa do Antigo Testamento e um prefiguração ou uma sombra da pascoa do Novo Testamento.

Alimpai-vos, pois, do fermento velho, para que sejais uma nova massa, assim como estais sem fermento. Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós. (1 Coríntios 5.7)

Como no Antigo Testamento a Páscoa comemorava a libertação do povo do cativeiro egípcio, através. O sangue do cordeiro salvou os Hebreus da condenação e abriu as portas da libertação para o povo de Deus.

No Novo testamento comemoramos na Páscoa a morde do Cordeiro de Deus, Jesus. Que se sacrificou por nós, como cordeiro sem mancha e santo. Veja sobre o sofrimento de Jesus por nós, clique no link.

Seu sangue nós livra da condenação e abre as portas da salvação e da libertação do pecado para nós.

A morte e ressurreição de Cristo, abre o caminho para salvação pela graça.

Essa e a verdadeira Páscoa, a Páscoa onde comemoramos a morte e ressurreição de Jesus.

A PÁSCOA PARA NÓS

meditando-biblia

Então a Páscoa é a comemoração mais importante de um Cristão, e a comemoração do resgate de cada um de nos pelo precioso sangue de Cristo.

Vale notar que no Antigo Testamento foi necessário confiar no sangue do cordeiro e aspergir nas ombreiras da porta.

Da mesma forma no Novo Testamento temos que confiar no sangue de Cristo como nosso remidor e salvador e assim aspergir, através da fé, esse sangue nas ombreiras da porta dos nossos corações.

Para que a condenação pule nossas vidas, e tenhamos a certeza da salvação em Cristo.

Aproveite esse dia e agradeça a Deus, por ter enviado um salvador por nós. Seu filho unigênito Jesus Cristo.

CONCLUSÃO

Bom, vimos que nem só de chocolate e coelhinho se faz a Páscoa, ela tem uma importância imensamente maior.

A morte e ressurreição de Cristo para salvar todo aquele que nEle crê.

Comemore! Se sinta feliz por ter sido resgatado pelo sangue do Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo.

Faça uma oração agradeça a Deus, adore ao Senhor, por esse amor imenso que Ele teve e tem por nós.

Hoje li Lucas capitulo 22 ao 24 relembrando toda historia dos últimos dias de Cristo aqui na terra, sua morte, sua ressurreição. Recomendo que você também leia.

Momento tão lindo da historia da humanidade, que as vezes deixamos passar em branco.

Vamos rever as três verdades que vimos sobre a Páscoa: 

  1. A Páscoa no Antigo Testamento: Festa em que os Hebreus comemoravam a libertação do Egito, onde Deus com mão forte e grande poder remiu e libertou o seu povo.
  2. A Páscoa no Novo Testamento: Festa onde nós Cristãos comemoramos a morte e ressurreição de Jesus, que nos libertou do pecado e da morte.
  3. A Páscoa para nós: Essa festa para nos não se resume a chocolate e coelhinhos, porem tem uma importância muito maior, pois comemoramos nossa salvação através do cordeiro santo Jesus, que derramou seu sangue por nós.

Como você vê a pascoa nos dia de hoje, ainda ela tem seu real sentido? Deixe seu comentário. Bom irmãos e amigos vou ficando por aqui, uma boa Páscoa abençoada por Deus, relembrando o real sentido dessa data. Fique na paz. Gostou do artigo de Páscoa? Então continue acompanhando outros:  [mc4wp_form]

Higor Ramos
Higor Ramos é autor e mantenedor do Evangélico Blog, Design e professor de Teologia. Gosta de ler artigos, um apaixonado por bons livros e louvores. Também gosto de tecnologia sempre buscando novidades nessa área.