Fuja das paixões, que atrapalham sua vida

morada-tua-jesus

morada-tua-jesus

Olá! Graça e paz!

No tema de hoje vamos fazer menção de uma passagem bíblica bem conhecida:

“Ou não sabeis que o vosso corpo é templo e morada do espírito santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?” 1° Coríntios 6.9.

Com estamos cuidando do nosso corpo?

Se nós somos templo da santidade de Deus, e de seus propósitos, não cabe a nós a apropriação de nosso corpo para dá ocasião a carne!(Gálatas 5.13)

Quando se abre dentro de nós uma raiz de duvida, surge também espaço pra satanás lanças seus laços e setas contra nossa natureza espiritual, sendo assim tape essas ‘brechas’, vigia em seus passos.  Aí vão algumas dicas!

Fuja das paixões!

“Vivo minha carne na fé.” Gálatas 2 .20.b

Na vida depois que aceitamos Cristo, permitimos que a vida de Cristo se passe em nós! Nosso eu morre, nossas vontades morrem, em Efésios 4.22 Paulo nos deixa claro essa renúncia. Veja:

Que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe pelas concupiscências do engano;

[mailmunch-form id=”134873″]

As paixões carnais só nos afastam de Deus, não significa que se apaixonar é pecado, as paixões ressaltadas por Paulo, são as que o mundo oferece em troca de sua santidade, como, prostituição, avareza, lascívia, obras da carne, essas nos afastam de Deus, em fração de segundos (Gálatas 5.19-21).

Essas paixões sem controle nos levam a pecar, por exemplo, no namoro Cristão, deve se evitar um contato físico de muita intensidade, pra que não se torne fornicação, nossa Ana, que exagero! Não acho! Os detalhes fazem a diferença pra Deus e pra satanás também!(2 Timóteo 2.22)

1223761365

Dedicando-se a Deus.

“Nisto é glorificado nosso Pai: Que deis muito fruto; e assim serão meus discípulos.” (João 15.8).

A melhor maneira de vencer a carne é lutando contra ela, e essa luta deve ser diária, situações após situações, não somos do mundo (João 17.16-17), então devemos focar no alvo, na nossa meta principal o Céu. O céu, que veremos, se nos santificarmos diante de Deus (Hebreus 12.14).

Essa santificação é sequencial, contínua, progressiva. Não matamos de vez nossa natureza carnal, mas podemos alimentar nossa natureza espiritual, a ponto de vencê-la, de maneira ela seja enfraquecida, dia após dia.

Cuide do dom que Deus te deu, do seu corpo, de seu jeito, pois eles são o reflexo de Cristo em VOCÊ!

Até a próxima!

Leia a seguir: Como você pode vencer o sentimento de Culpa

Ana Carolina
Do estado de Pernambuco, cursando pedagogia, estudante de Teologia, coordenadora de EBD. Administra o projeto Adora Jovem e é autora no Evangélico Blog.