2 Atributos que mudam nossa vida

Mansidão e temperança, atributos não valorizados nos dias atuais.

O ser humano moderno, por mais que pregue a paz e a tolerância. Cada vez mais busca resolver seus conflitos de maneira arrogante, tentando impor sua opinião a força.

Nossa sociedade também não valoriza mais a temperança, por isso a bebedeira as drogas e a prostituição vem destruindo a vida de muitos.

Já o evangelho nos mostra uma vida de temperança, uma vida de sabedoria, suportando uns aos outros em amor(Ef 4.1,2). E amando a nos mesmos, cuidando do nosso corpo.

Mansidão

 

Ser manso não é ser covarde ou tímido. Mas sim saber lidar com sabedoria nas questões do dia a dia.

Jesus foi respeitado, impôs a sua autoridade, porém ao mesmo tempo era manso e humilde.

Podemos trazer a mansidão para nossas vidas, através do autocontrole. E da busca por meio do Espírito Santo. Creia que ele pode acalmar seu coração nos momentos difíceis.

Em Mateus 5.5 diz que os mansos herdarão a terra(Falando sobre o céu). Podemos ver que aquele que é humilde, manso e obediente a Deus receberá uma grande recompensa.

Temperança

Até aqui vimos sobre a mansidão que revela o amor ao próximo.

Já a temperança revela o amor próprio. Onde o ser humano passa a controlar os seus desejos e impulsos para o seu próprio bem.

Por exemplo, comer demais pode levar uma pessoa a passar mal. Isso é falta de temperança.

Através do Espírito Santo podemos ter a temperança necessária para aprender a mortificar as obras da carne para o bem estar do nosso próprio corpo(Provérbios 11:17).

Saber dominar nossos desejos e o nosso próprio corpo não é algo ruim, mas faz muito bem para nossa saúde material e espiritual. Reflexão: Sendo sal e luz neste mundo

Através disso ganhamos um viver feliz e saudável aqui nessa terra, e vamos nos preparando para morada celeste onde estaremos bem perto do nosso Deus.

Quem é o Espirito Santo?

Conclusão

Havia um homem numa cidade que dizia ser servo de Deus, mas sempre se mostrava nervoso, já tinha chegado ao ponto de agredir um de seus vizinhos. Não se alimentava direito e vivia tento problemas de saúde por causa de seus excessos. Porem ele fazia questão de gritar em auto e bom som que iria morar no céu.

Esse homem talvez nunca venha a conhecer o céu, pois sua falta de temperança, mansidão e amor não demonstravam nele um cidadão do céu.
Que a cada dia possamos refletir e olhar para Jesus como nosso grande exemplo de temperança, mansidão e amor.

Leia também: Como vencer de uma vez por todas a Ansiedade

Aproveite e inscreva o seu email abaixo e fique ligado nas novidades:

Higor Ramos
Higor Ramos é autor e mantenedor do Evangélico Blog, evangélico desde nascido da Assembleia de Deus. Gosta de ler artigos, um apaixonado por bons louvores e ama a Bíblia. Gosta de tecnologia sempre buscando novidades nessa área.